Nota oficial da Câmara Municipal de Barra do Garças

por bag — publicado 24/04/2018 14h25, última modificação 26/04/2018 13h14
A Câmara de Barra do Garças esclarece que os fatos ocorridos na noite de segunda-feira (23/4), durante a 11ª sessão, não tem relação nenhuma com os trabalhos realizados pela Casa.

Os lamentáveis acontecimentos de violência ocorrido durante a sessão da câmara são de responsabilidade dos dois envolvidos, que ao invés de buscar o diálogo, preferiram usar a agressividade e brutalidade como arma de negociação. A Câmara Municipal lamenta tal atitude e salienta que sempre esteve disposta a discutir as melhores soluções para o município.

Apesar do ocorrido, a Câmara de Barra do Garças continua aberta, atendendo aos munícipes de segunda a sexta-feira das 12h às 18h e as segundas, durante a sessão das 20h às 23h. Todos os gabinetes dos vereadores, bem como a administração, não tiveram seu expediente alterado.

Cabe ressaltar que, durante a sessão, a presidência desta Casa solicitou a presença da Polícia Militar, uma vez que existiam informações que poderia haver a manifestação.

A Câmara Municipal de Barra do Garças agradece ao valoroso serviço prestado pela Polícia Militar. A forma com que os policiais conduziram a situação, de extremo nervosismo e perigo, é digna de menção nessa nota oficial.

A Mesa da Câmara convida a população para a próxima sessão que acontecerá na segunda-feira (7/5), devido ao ponto facultativo que ocorre na próxima segunda-feira véspera do feriado de 1º de Maio, Dia Internacional do Trabalho.

Por último, a Câmara Municipal agradece toda imprensa regional, os grandes veículos de comunicação, TV's, rádios e sites pela cobertura imparcial e que retratou os momentos que colocaram em risco a integridade da população que acompanhava a sessão, bem como dos servidores da Casa e dos próprios vereadores.