Projeto de lei obriga bancos instalarem divisórias entre os caixas e o público

por Konrad Felipe /Assessor de imprensa da Câmara Municipal de Barra do Garças — publicado 07/03/2017 17h55, última modificação 07/03/2017 18h01
Foi aprovado por unanimidade durante 4ª sessão ordinária da câmara realizada na noite de segunda-feira (6/3) o projeto de lei nº 006/2017 de autoria do vereador Gustavo Nolasco (PSL), que estabelece norma quanto a disponibilidade da estrutura de proteção nas instituições bancárias.

Foi aprovado por unanimidade durante 4ª sessão ordinária da câmara, realizada na noite de segunda-feira (6/3), o projeto de lei nº 006/2017 de autoria do vereador Gustavo Nolasco (PSL),  que estabelece norma quanto a disponibilidade da estrutura de proteção nas instituições bancárias.

O descumprimento dessa lei poderá acarretar em multa de 50 à 100 UPFBG e o cancelamento do alvará de licença. As instituições bancárias terão o prazo de 90 (noventa) dias a contar da sanção e publicação da lei.

O vereador disse que o intuito da lei é garantir mais comodidade para a população. “Eu pensei nas pessoas que utilizam o serviço bancário, especialmente quanto ao manuseio de dinheiro, para que não sofram eventuais ações ilícitas, muito comum nos dias atuais”.

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.